Como estudar com o metrônomo

Pesadelo de muitos iniciantes na música, o metrônomo deve ser seu melhor amigo nos estudos musicais

Como estudar usando o metrônomo?

Um dos desafios mais comuns para quem está começando a aprender um instrumento musical é desenvolver uma noção rítmica apurada. É muito normal se confundir nos compassos e perder o andamento da música que está tocando. Nessa hora, é muito importante a ajuda de um metrônomo. Esse aparelho, que marca as pulsações na velocidade que você escolhe, te dá inúmeras possibilidades de exercícios que vão ser essenciais para você adquirir um ritmo firme e preciso.

 

Que exercícios posso praticar usando o metrônomo?

 

O metrônomo pode ser utilizado em quase todos os estudos no seu instrumento. Escalas, cadências, troca de acordes e, principalmente, no treino das músicas do seu repertório. Você deve usar a sua criatividade para inventar exercícios que sirvam para seu aprendizado.

 

Como praticar?

 

É importante que você comece praticando em uma velocidade que seja confortável. Não adianta começar muito rápido e não conseguir executar as notas com precisão. Depois de ter treinado bastante nessa velocidade, já pode começar a aumentar o andamento. O exercício lento é muito importante e pode ser até mais difícil do que tocar rápido. Isso acontece porque o espaço entre os pulsos é maior, assim, fica mais difícil internalizar o andamento.
Em uma segunda etapa é interessante começar a treinar a acentuação dos tempos fortes. É possível brincar com isso também, acentuando cada vez uma semicolcheia diferente, por exemplo.

Se você não tem um metrônomo físico, é possível baixar aplicativos que têm até mais funções do que o original. Existem programas online gratuitos também. O que é bom nos digitais é que em alguns você pode subdividir o compasso com acentuações nos tempos que quiser. Aqui em baixo você já encontra um metrônomo simples para começar seus estudos:

 

Para saber mais sobre o assunto, veja essa dica que o diretor do Atelier de La Musique, Eric Luciano preparou para vocês:

 

AGENDE AQUI SUA AULA EXPERIMENTAL GRATUITA
Compartilhe com seus amigos!Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn